Untitled Document
DOMINGO, 16 DE JUNHO DE 2024
25 de MARÇO de 2024 | Fonte: Agência Sebrae de Notícias

Com Semana Santa, negócios de alimentação aumentam opções de pratos com pescado

Não é de apenas chocolate que o comércio se sustenta durante a Páscoa. Nesta época do ano, acontece a chamada Quaresma, um período de 40 dias após a Quarta-feira de Cinzas em que os cristãos se dedicam à penitência e práticas caridosas, na maioria das vezes cortando o consumo de carne vermelha e, consequentemente, aumentando a busca por pratos com pescado. Dessa forma, empreendedores do mercado gastronômico, donos de restaurantes, feirantes e peixeiros utilizam a data para favorecer o negócio com a comercialização da proteína.

 

De acordo com dados do Sebrae e do Instituto de Pesquisa da Fecomércio (IPF-MS), a movimentação econômica da Páscoa nesse ano deve totalizar R$338,92 milhões em Mato Grosso do Sul, com um aumento de 26% no montante em relação a 2023. Dentre as atividades que desempenham um papel nessa movimentação, para 65,9% dos entrevistados, o peixe não pode faltar na compra para a comemoração da data, e entre as opções preferidas para o consumo, estão: Pacu (44,3%), Tilápia (32,7%), Pintado (23,5%) e Bacalhau (10%).

 

“Com relação a quem vai comemorar a Páscoa, nove entre 10 entrevistados vão passar o dia reunido com a família ou amigos e preparar uma refeição. Com essa expectativa de movimentação financeira, o empresário pode aproveitar para garantir um bom faturamento”, destaca o analista-técnico do Sebrae/MS, Paulo Maciel.



Untitled Document
Últimas Notícias
Cresol Pioneira realiza posse do Conselho de Administração
Cresol recebe comitiva de São Paulo para visita
Realizado pela Prefeitura de Naviraí, 21ª FEJUNAVI terá show de Rio Negro & Solimões
Untitled Document