Untitled Document
QUINTA-FEIRA, 21 DE OUTUBRO DE 2021
23 de SETEMBRO de 2021 | Fonte: Subcom

Previsões se confirmam e produção de milho fecha em 6 milhões de toneladas

Colheita representa uma redução de 40,8% da previsão feita inicialmente; queda de granizo no mês de maio afetou 6.890 hectares em Naviraí, 600 hectares em Amambai e 50 hectares em Coronel Sapucaia.
Foto: Divulgação

Restando apenas 1% das lavouras para concluir a colheita do milho 2020/2021, as previsões confirmam a estimativa de 6,2 milhões de toneladas, o que representa uma redução de 40,8% da previsão feita inicialmente.

 

Com base no aumento da área plantada, que passou de 1,895 milhão de hectares para 2,003 milhões de hectares em um ano, Mato Grosso do Sul esperava colher mais de 9 milhões de toneladas de milho nessa safra.

 

Porém, problemas de origem climática, como chuva de granizo e estiagem na fase de maturação da planta, provocaram uma queda brusca na produtividade, que deve ficar em 52 sacas por hectare, em média.

 

As regiões Oeste, Centro, Sul e Sudeste possuem as piores condições das lavouras, e juntas representam mais da metade da área plantada do estado.

 

Houve queda de granizo no mês de maio que afetou 6.890 hectares em Naviraí, 600 hectares em Amambai e 50 hectares em Coronel Sapucaia. Essas áreas tiveram perda total da área plantada de milho, segundo constataram os técnicos do Projeto SIGA/MS.



Untitled Document
Últimas Notícias
Homem é encontrado morto ao lado de caminhão em MS
Idosa de bicicleta morre após ser atropelada em rodovia de MS
ALEMS lança campanha Outubro Rosa em prevenção ao câncer de mama
Untitled Document