Untitled Document
SEXTA-FEIRA, 15 DE JANEIRO DE 2021
14 de DEZEMBRO de 2020 | Fonte: FIEMS/DICOM

Sesi implanta tecnologia para registrar pausas térmicas em frigorífico de Itaquiraí

Nesta etapa do projeto, foram instalados dois totens na entrada e na saída do ambiente frio para que os trabalhadores registrem suas pausas.
Foto: Divulgação

O Centro de Inovação do Sesi de Mato Grosso do Sul iniciou a implantação do projeto “Gestão de Pausas Térmicas”, utilizando conceitos de inteligência artificial para registrar e contribuir com as pausas térmicas dos trabalhadores que atuam em áreas frias do frigorífico Bello Alimentos, localizado em Itaquiraí (MS). Nesta etapa do projeto, foram instalados dois totens na entrada e na saída do ambiente frio para que os trabalhadores registrem suas pausas.

 

Segundo o gerente de Tecnologia de Inovação do Centro de Inovação do Sesi de Mato Grosso do Sul, Ricardo Egídio dos Santos Junior, o trabalhador tem apenas de aproximar seu crachá do dispositivo, que o totem registra sua pausa e coleta uma foto para reconhecimento facial, que gerará evidências sobre aquele trabalhador.

 

“Essa solução irá auxiliar em uma importante demanda do setor frigorífico relacionada à gestão de pausas térmicas em ambientes artificialmente frios exigidos pela NR 36 (Norma Regulamentadora do Trabalho), que estabelece diretrizes e requisitos de SST (Saúde e Segurança do Trabalho) em empresas de abate e processamento de carnes e derivados”, detalhou Ricardo Egídio.

 

Ele completa que a implementação da solução, que contará com um sistema de gerenciamento das pausas empregando algumas tecnologias para supervisão dos processos de pausa térmica, permitirá que a Bello Alimentos possa registrar e controlar de maneira muito mais assertiva a sua execução, fornecendo segurança jurídica à empresa e evitando eventuais passivos trabalhistas.

 

O gerente de Tecnologia de Inovação do Centro de Inovação do Sesi de Mato Grosso do Sul ainda destacou que com a correta execução das pausas, os trabalhadores também serão beneficiados com ganho em qualidade de vida. “Isso afeta diretamente na produtividade da empresa. Então esse projeto, que foi aprovado pelo Edital de Inovação para a Indústria em 2019, representa a missão do Centro de Inovação do Sesi, que busca a saúde, o bem-estar e a competitividade da indústria”, destacou.

 

Empreendimentos de todos os portes podem adquirir e utilizar os serviços dos Centros de Inovação e o primeiro passo é relatar seu desafio e, uma vez identificado o que pode ser feito, o projeto é direcionado ao centro mais adequado.

 

Em Mato Grosso do Sul, por exemplo, a área de pesquisa é voltada para a sistemas de gestão da saúde e segurança do trabalho. Há também a possibilidade de adquirir as soluções já desenvolvidas, que ficam expostas na Plataforma Nacional de Soluções Sesi, à disposição dos gestores das áreas de saúde e segurança do trabalho da indústria.



Untitled Document
Últimas Notícias
Eldorado Brasil oferece mais de 800 vagas no MS para início imediato
Fim de semana no MS será de tempo instável e temperaturas amenas
Polícia Civil atuará na escolta de imunizantes e insumos contra a Covid-19 em MS
Untitled Document