Untitled Document
DOMINGO, 25 DE JULHO DE 2021
18 de JUNHO de 2020 | Fonte: Globo Esporte

Conmebol faz críticas a Fifa por conclusões sobre Colômbia em relatório para 2023

Na última semana, entidade que comanda o futebol mundial divulgou documento apontando candidatura conjunta de Nova Zelândia e Austrália como favorita a receber a próxima Copa do Mundo feminina.
Taça copa feminina (Foto: Getty Images)

A Conmebol enviou na noite desta quarta-feira (17/06) uma carta para a Fifa na qual contesta o relatório técnico sobre as candidaturas a sede da Copa do Mundo de 2023. No documento, afirma que a entidade que comanda o futebol mundial tirou conclusões “erradas e discriminatórias” sobre a Colômbia, que passou a ser a única candidatura da América do Sul depois que o Brasil desistiu da disputa.

 

— Esta carta busca esclarecer a vocês todos os erros conceituais contidos no relatório e demonstrar que a Colômbia não apenas está pronta para receber o torneio como também é o lugar ideal para realizá-lo, com vistas a catapultar definitivamente o futebol feminino em nível global — diz o documento.

 

A carta é dirigida aos 36 integrantes do Conselho da Fifa, que no próximo dia 25 de junho (sexta-feira) se reúnem para escolher onde será disputado o próximo Mundial. A Colômbia disputa com Japão e a candidatura conjunta de Austrália e Nova Zelândia. Na semana passada, a Fifa tornou público um relatório que apontava a a candidatura dos países da Oceania como favorita. Recebeu a pontuação de 4.1 na escala de 0 a 5. O Japão ficou um pouco atrás, com 3.9. A Colômbia chegou a 2.8.



Untitled Document
Últimas Notícias
Polícia Militar apreende adolescente por porte de drogas em Naviraí
Polícia de MS contém briga entre homens que não sabiam que viviam relação poliafetiva com mulher
Polícia Militar de Naviraí apreende maconha e recupera moto furtada
Untitled Document