Untitled Document
DOMINGO, 27 DE SETEMBRO DE 2020
05 de DEZEMBRO de 2019 | Fonte: Assessoria

Escolas da Rede Municipal de Naviraí aderem ao Programa Educação Conectada

Programa visa fomentar o uso de tecnologia digital na Educação Básica dos municípios beneficiados.
Foto: Divulgação

Um programa do Governo Federal denominado de Programa de Inovação Educação Conectada do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), que contempla escolas municipais chega a Naviraí e tem como objetivo principal apoiar a universalização do acesso à internet de alta velocidade, por via terrestre e satélite, e fomentar o uso de tecnologia digital na Educação Básica dos municípios beneficiados com o programa.

 

Segundo a professora Elayne Paganotti, apoio pedagógica da Gemed e agora articuladora para a implantação desse programa no município, “o programa foi elaborado com quatro dimensões: visão, formação, recursos educacionais digitais e infraestrutura que se complementam e devem estar em equilíbrio, para que o uso da tecnologia digital tenha efeito positivo na educação”. Ela explicou ainda que, além disso, o programa visa capacitar profissionais, oferecer conteúdo digital às escolas, investir em equipamentos físicos para a conexão e apoiar técnica e financeiramente escolas e redes de ensino, com total apoio do Governo Federal através do Ministério da Educação.

 

 “A importância desse programa é que ele vem ajustar, ampliar a qualidade de ensino dentro das escolas, porque quando o aluno tem acesso à tecnologia, ele se desenvolve mais, ele busca mais, se prepara melhor para os estudos, vestibulares, concursos entre outros. De um modo geral é para melhorar a qualidade do ensino e porque não de vida”.

 

Em Naviraí está sendo implantado o programa Educação Conectada em duas etapas, primeiramente foi realizado o aceite pela gerência de Educação na pessoa da professora Caroline Touro Beluque e posteriormente as escolas fizeram a adesão. O programa atende escolas do Ensino fundamental e Educação Infantil. 

 

“Dentro dessa contemplação, a internet será direcionada para o uso do aluno. As escolas fizeram o aceite, dentro do PDDE Interativo e o PAF- plano de aplicação financeira, um orçamento mostrando como vai ser gasto essa verba, entre custeio e capital para aquisição de materiais e internet dentro da escola. As escolas fecharam com uma prestadora de serviço com relação à internet, que vai disponibilizar pacotes para as escolas. Essa tecnologia será de grande valia para professores e alunos que terão suas aulas mais prazerosas e dinâmicas. Sites indesejados serão bloqueados automaticamente com um programa de segurança. O aluno terá internet para uso exclusivo pedagógico para sua capacitação, buscar uma qualidade sempre melhor de ensino facilitando o aprendizado e dinamizando as aulas e a relação professor aluno. Buscando cada vez mais dentro da tecnologia outras oportunidades de aprendizagens”, ressaltou a professora Elayne.



Untitled Document
Últimas Notícias
Pedidos de seguro-desemprego caem 9,3% na primeira metade de setembro
Receita Federal abre nesta quarta-feira consulta ao 5º lote do IRPF
Como será o clima durante a primavera em Mato Grosso do Sul
Untitled Document