Untitled Document
TERÇA-FEIRA, 23 DE JULHO DE 2019
29 de MARÇO de 2019 | Fonte: Correio do Estado

Argentina quer ampliar comércio com MS

Vizinho quer ampliar laços com Estado com Rota Bioceânica
Cônsul e Azambuja se reuniram (Foto: Chico Ribeiro/Governo do Estado)

Importante parceira comercial de Mato Grosso do Sul, a Argentina quer ampliar ainda mais os negócios com empresários sul-mato-grossenses. Nesta quinta-feira (28), o cônsul-geral da Argentina em São Paulo, Luis Castillo, esteve com o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) para tratar das relações comerciais bilaterais das regiões.

Castillo explicou que o déficit comercial da Argentina com o Estado é grande. “Vocês (sul-mato-grossenses) vendem muito mais do que compram, mas é provável que estejam consumindo produtos argentinos de São Paulo”, disse. Segundo ele, a ideia é tornar MS o destino final da produção argentina.

Azambuja destacou investimentos em infraestrutura e a ativação da Rota Bioceânica, que abrirá caminhos ao Pacífico e potencializará o comércio entre Mato Grosso do Sul e os países da América do Sul. “Vão diminuir custos de transporte e logística e fazer com que a mercadoria venha diretamente para cá”, contou o cônsul.

O funcionário do governo argentino está em Campo Grande para participar do “1º Encontro Oportunidades de Negócios com a Argentina – Potencial do Comércio Bilateral”, que será realizado nesta tarde tarde, no Sebrae. O evento tem realização do Consulado, Fiems, Fecomércio, Sebrae e Governo do Estado.

“Hoje vamos fazer esse seminário com a ideia de promover o comércio, para que o setor privado faça contatos e encontro oportunidades de negócios. O setor público monta esses cenários para que o setor privado converse”, explicou Castillo, acompanhado do cônsul-adjunto Gabriel Rivera.

Exportações
A Argentina é o segundo principal destino das exportações sul-mato-grossenses, concentradas em bens primários – minério de ferro, soja e milho. Em 2018, as exportações de Mato Grosso do Sul para a Argentina cresceram 56% quando comparadas com as de 2017, somando US$ 386 milhões, conforme dados do Ministério da Economia. 

Também participaram do encontro os secretários Eduardo Riedel (Governo e Gestão Estratégica) e Jaime Verruck (Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar).



Untitled Document
Últimas Notícias
Naviraí faz seletiva para Festival Estudantil Temático de Trânsito
Investimentos em logística transformarão Porto Murtinho na nova Paranaguá de MS
5º Encontro de Carros Antigos de Naviraí desperta atenção e curiosidade
Untitled Document