Untitled Document
QUINTA-FEIRA, 23 DE MAIO DE 2019
15 de FEVEREIRO de 2019 | Fonte: Agência ALMS

Deputados apresentam requerimento para Energisa enviar notas fiscais de compra de energia

A proposta do requerimento foi suscitada pelas discussões feitas durante encontro com a diretoria da empresa que ocorreu na quarta-feira, dia 13.
Herculano Borges apresentou requerimento na sessão de quarta-feira (Foto: Victor Chileno/ALMS)

O deputado Herculano Borges (SD) apresentou, na sessão ordinária de quarta-feira (14/02), requerimento para que a concessionária Energisa envie informações à Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul quanto à aquisição de energia. O documento, que tem como coautores os parlamentares Pedro Kemp (PT) e Marçal Filho (PSDB), estabelece prazo de 12 dias para a resposta da empresa.

 

De acordo com a solicitação, o diretor-presidente da Energisa, Marcelo Vinhaes Monteiro, tem até o dia 25 de fevereiro para encaminhar à Casa de Leis todos os documentos fiscais dos valores das compras de energia feitas pela companhia no período de janeiro de 2018 a mesmo mês de 2019.

 

A proposta do requerimento foi suscitada pelas discussões feitas durante encontro com a diretoria da empresa realizado na quarta-feira (13/02) na Assembleia Legislativa. “O presente requerimento se faz necessário, para que sejam esclarecidas as informações repassadas pelos representantes da concessionária na reunião do dia 13 de fevereiro de 2019”, afirmam os parlamentares no documento.

 

Na reunião de terça-feira, os diretores da Energisa informaram que a empresa precisou comprar energia extra em decorrência do maior consumo provocado pelas altas temperaturas. Em dezembro de 2018, foram comprados 480 Gigawatt-hora (GWh) de energia, acima dos 396 GWh contratados em igual mês do ano anterior. Mesmo assim, foi necessário adquirir adicional de 15 GWh, de acordo com a companhia.

 

Os deputados querem, assim, que a concessionária demostre, através de documentos, detalhes dessas aquisições. “Solicitamos a apresentação destes relatórios com todos os documentos fiscais, que comprovem a referida aquisição”, afirmam. Na sessão de hoje, o aumento acentuado das contas de energia voltou a ser discutido por alguns deputados. O  superintendente da Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor (Procon/MS), Marcelo Salomão, também esteve na sessão.



Untitled Document
Últimas Notícias
Projeto de Resolução amplia atribuições do presidente da ALMS
Prefeitura de Naviraí e usina recuperam passagem de estrada canavieira
Mais três mortes por dengue são confirmados no MS
Untitled Document