Untitled Document
QUARTA-FEIRA, 20 DE MARÇO DE 2019
10 de JANEIRO de 2019 | Fonte: Correio do Estado

Governador anuncia que demitirá 25% dos comissionados

A estratégia é para diminuir folha de pagamento dos servidores
Azambuja disse que E-GOV ajudará na diminuição de pessoal na máquina pública - Foto: Arquivo/Correio do Estado

Governador do Estado de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), declarou que pretende demitir 25% dos cargos comissionados para que a folha de pagamento de servidores não ultrapasse o limite prudencial. “Estamos dentro da lei e isso é um problema de todos os estados, não podemos aumentar gastos com pessoal e por isso diminuímos mais uma secretaria”, disse.

 

Em entrevista ao Bom Dia MS, na manhã desta quinta-feira (10), Azambuja declarou também que outra estratégia para diminuir gastos com pessoal será o fortalecimento do E-GOV, sistema digital em que as pessoas poderão acessar serviços do Governo do Estado por meio da internet, sem precisar de um servidor para que a solicitação seja feita.

 

“Vamos digitalizar e facilitar a vida do cidadão, podemos diminuir servidor comissionado e modernizar o setor sem diminuir atendimento a população e com isso diminuir impacto financeiro nas contas”, disse o governador.


REFORMA 

Em dezembro de 2018, Azambuja encaminhou reforma do Governo para a Assembleia Legislativa e projeto já foi sancionado.

 

Além de excluir a Secretaria de Cultura, o governador reorganizou os cargos em Direção de Chefia e de Assessoramento (DCA) e inchou a Secretaria de Governo (Segov), chefiada pelo secretário Eduardo Riedel.

 

No dia 2 de janeiro, em reunião com o novo secretariado, Azambuja anunciou que os secretários das pastas tem dez dias de prazo para realocar os comissionados exonerados ou chamar novos nomes para compor a equipe. O secretário de Saúde, Resende, adiantou que terá novos nomes em sua pasta. 



Untitled Document
Últimas Notícias
Deputado Herculano Borges faz entrega de emendas e reuniões na Região Sul
EFS Ronan Marques, em Naviraí, realiza ação para saúde da mulher
Escolas do Sesi de Mato Grosso do Sul vão participar da maior feira científica do Brasil
Untitled Document