Untitled Document
QUARTA-FEIRA, 20 DE MARÇO DE 2019
07 de JANEIRO de 2019 | Fonte: Correio do Estado

Aeroportos de MS podem receber investimentos

Terminais aéreos de três cidades do Estado, além de ferrovia, estão na mira do governo
Aeroporto de Campo Grande está no projeto de privatizações elaborado pelo governo federal - Foto: Álvaro Rezende / Correio do Estado

A divulgação pelo presidente Jair Bolsonaro de que o governo federal vai atrair R$ 7 bilhões em investimentos com concessões abre as portas para que os aeroportos de Campo Grande, Corumbá e Ponta Porã, bem como a recuperação da linha férrea Malha Oeste – com extensão de 1.973 quilômetros – sejam entregues à iniciativa privada para que recebam investimentos.

 

A renovação da concessão da ferrovia deve ser considerada prioridade  no Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) da gestão Bolsonaro. A proposta é prorrogar a concessão da Empresa Rumo, com a contrapartida de investimentos de até R$ 5 bilhões, segundo conversa do governador Reinaldo Azambuja e ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, em novembro do ano passado. À época Freitas, era  o Secretário de Coordenação de Projetos da Secretaria Especial do Programa de Parcerias de Investimentos (SPPI), da Presidência da República.

 

A Empresa Rumo terá o retorno deste investimento com a demanda de fertilizantes - já fechada em acordo com a Bolívia por meio da empresa Hinove-, grãos, líquidos e aço, já que uma parte deste liga metálica  consumida na Bolívia sai do Brasil.



Untitled Document
Últimas Notícias
Deputado Herculano Borges faz entrega de emendas e reuniões na Região Sul
EFS Ronan Marques, em Naviraí, realiza ação para saúde da mulher
Escolas do Sesi de Mato Grosso do Sul vão participar da maior feira científica do Brasil
Untitled Document