Untitled Document
DOMINGO, 21 DE OUTUBRO DE 2018
01 de MARÇO de 2018 | Fonte: Campo Grande News

Agência rural passa a ter atendimento móvel

O mais novo serviço foi possível depois da aquisição de duas vans tipo furgão e equipamentos
Uma das vans adquiridas para o atendimento pelo Estado (Foto: Néia Maceno/ Divulgação)

A Agraer (Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural) agora passa a ter serviços itinerantes pelo Estado. O mais novo serviço foi possível depois da aquisição de duas vans tipo furgão e equipamentos. O investimento foi de R$ 582.920.

 

Conforme divulgado pelo Governo do Estado, as chaves das duas vans foram repassadas, nesta quarta-feira (28) e cada veículo funcionará como um “miniescritório”.

 

“Um veículo ficará sob a gestão da equipe do Crédito Fundiário e a outra estará com a Gerência de Regularização Fundiária e Cartografia. Vai ser possível oferecer serviços da Agraer como se as pessoas estivessem em um de nossos escritórios”, explica André Nogueira, presidente da Agraer.

 

Os veículos são frutos de um convênio entre o governo do Estado com a Sead – Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário.

 

Itinerário - A van repassada a Unidade Técnica Estadual do Programa Nacional de Crédito Fundiário, terá a missão de atender os agricultores familiares dentro das unidades produtivas, sítios, ou na sede das associações.

 

“Vai dar para organizar documentos, lançar no sistema de informações do PNCF, realizar consultas, tirar cópias de documentos, realizar emissão de DAPs, dar andamento nos processos de vistorias e avaliações dos imóveis pretendidos para o financiamento, entre muitos outros serviços prestados pela Agraer”, informa o diretor-presidente Agência.

 

Já o automóvel da GRF – Gerência de Regularização Fundiária será usado para levantamentos topográficos, perícias judiciais, vistorias de ocupação dos assentamentos, georeferrenciamento das áreas dos assentamentos pertencentes ao Estado para entrega de títulos, demarcações, e até suporte em treinamentos e cursos de campo.



Untitled Document
Últimas Notícias
Gasolina sobe pela nona semana seguida e acumula alta de 6,76% em MS
Haddad eleva o tom, critica e desafia Bolsonaro
Furto de cobre motivou tiroteio que terminou com PM morto
Untitled Document