Untitled Document
QUARTA-FEIRA, 18 DE JULHO DE 2018
24 de NOVEMBRO de 2017 | Fonte: Ascom/IFMS

IFMS propõe oferta de cursos a distância a prefeitos de MS

Atualmente, o IFMS tem acordos de cooperação com 15 prefeituras para a oferta de cursos técnicos e de qualificação profissional a distância gratuitos.
Foto: Divulgação

Prefeitos que participaram de uma assembleia geral da Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul (Assomasul) nesta quinta-feira, 23, em Campo Grande, tiveram a oportunidade de conhecer a atuação do Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) e saber qual a previsão da oferta de cursos a distância em 2018.

 

Atualmente, o IFMS tem acordos de cooperação com 15 prefeituras para a oferta de cursos técnicos e de qualificação profissional a distância gratuitos.

 

Para o diretor do Centro de Referência em Tecnologias Educacionais e Educação a Distância (Cread), Ubirajara Garcia - que durante encontro com os prefeitos representou o reitor, Luiz Simão Staszczak - o número de parcerias poderá ser ampliado.

 

"Segundo a própria Assomasul, cerca de 80% dos 79 prefeitos do Estado estão no primeiro mandato, por isso é muito importante que eles conheçam o IFMS e os cursos que podemos oferecer em seus municípios. A intenção é celebrarmos ainda mais convênios a fim de ampliarmos a oferta de cursos técnicos e de qualificação profissional a distância em Mato Grosso do Sul", pontuou Ubirajara.

 

O presidente da Assomasul, Pedro Ariel Caravina, prefeito de Bataguassu, um dos municípios que têm acordo de cooperação firmado com o IFMS para a oferta de cursos a distância.

 

"O IFMS é fundamental para atender a uma parcela da população que não consegue se preparar para o mercado de trabalho gratuitamente. Inclusive, existe uma expectativa muito grande dos prefeitos para que o Governo Federal faça novos investimentos no sentido de levar o Instituto Federal para outros municípios do Estado", comentou Caravina.

 

Em Douradina, município da região Sul do Estado, o IFMS oferece cursos de qualificação profissional a distância em Operador de Computador e Vendedor. O prefeito, Jean Fogaça, só vê benefícios na parceria.

 

"Estamos distantes 35 quilômetros de Dourados, maior cidade da região, e nossa população é muito carente desse tipo de curso. São pessoas que não poderiam fazer uma qualificação profissional e estão tendo essa oportunidade graças à parceria do município com o IFMS", destacou o prefeito.

 

Previsão - Para 2018, o IFMS prevê abrir vagas para cursos técnicos e de qualificação profissional a distância.

 

Para estudantes com ensino fundamental completo, as opções seriam os cursos de qualificação profissional em Operador de Computador e Vendedor. O IFMS prevê também abrir vagas para os cursos de Inglês e Espanhol (básico e intermediário) e Libras, para candidatos que concluíram o ensino médio.

 

Ainda para o ano que vem, existe a previsão de ofertar cursos técnicos subsequentes a distância, ou seja, para quem tem o ensino médio completo. As opções seriam Administração, Automação Industrial, Edificações e Manutenção e Suporte em Informática.

 

Nos cursos a distância oferecidos pelo Instituto Federal, as aulas são semipresenciais. O estudante desenvolve atividades orientadas por tutores no Ambiente Virtual de Ensino e Aprendizagem do IFMS, e participa de encontros presenciais semanais para avaliação.

 

Parceria - Para que seja aberto um curso técnico ou de qualificação profissional a distância do IFMS no município, é preciso que seja celebrado um termo de cooperação entre um dos campi do Instituto e a prefeitura interessada.

 

Os campi do IFMS estão presentes nos municípios de Aquidauana, Campo Grande, Corumbá, Coxim, Dourados, Jardim, Naviraí, Nova Andradina, Ponta Porã, Três Lagoas, sendo que cada um deles tem uma área de abrangência específica.

 

Na parceria, a contrapartida da prefeitura é a cessão de uma sala multiuso equipada com TV, som, computador com acesso à internet e projetor multimídia, além de um laboratório de informática e outro específico, se houver necessidade, e um servidor municipal que irá atuar como tutor nos encontros presenciais.

 

"Para ser um tutor, o servidor do município passa por uma capacitação oferecida pelo IFMS, o que faz parte de um processo de institucionalização da educação a distância. A força do trabalho dos docentes e técnicos tem como um dos principais focos oferecer formação profissional a distância aos municípios do Estado", explicou o diretor do Cread.

 

IFMS - Foi criado em 2008, por meio da Lei nº 11.892, que reestruturou a Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica.

 

Atualmente, o IFMS tem mais de oito mil estudantes matriculados nos dez campi, de acordo com os dados de outubro do Sistema Nacional de Informações da Educação Profissional e Tecnológica (Sistec).

 

Além da educação a distância, são oferecidos cursos de qualificação profissional, técnicos de nível médio (integrados e subsequentes), graduação (bacharelados, licenciaturas e superiores de tecnologia) e pós-graduação.



Untitled Document
Últimas Notícias
Homens recebem 75% das indenizações do DPVAT
Idoso é achado em terreno baldio após sumir
Bandidos invadem paróquia e destroem sacrário
Untitled Document