Untitled Document
TERÇA-FEIRA, 23 DE ABRIL DE 2019
17 de OUTUBRO de 2017 | Fonte: Portal do Governo de Mato Grosso do Sul

Bombeiros e PMA atuam para controlar incêndio no Parque Estadual das Várzeas do Rio Ivinhema

A estimativa do Imasul é de que, até o momento, as chamas tenham destruído 5 mil hectares de vegetação.
Local onde o fogo avança é de difícil acesso e o vento forte dificulta o trabalho (Foto: Divulgação)

Duas equipes formadas por nove militares do Corpo de Bombeiros de Fátima do Sul, Naviraí, Nova Andradina e Ivinhema trabalham para controlar as chamas que atingem o Parque Estadual das Várzeas do Rio Ivinhema. O incêndio, provocado por causas naturais, teve início na sexta-feira (13.10) na região do Parque.

 

Ao tomar conhecimento do fogo, o guarda-parque do Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul) que atua no local acionou os bombeiros de Fátima do Sul, que foram ao Parque no sábado (14/10). A área atingida pelas chamas é distante da sede da Unidade de Conservação e de difícil acesso. Entre domingo e ontem (16/10), mais militares foram designados para o controle do incêndio e atuam sob o comando do tenente Henrique, do Corpo de Bombeiros de Dourados. Também ontem, a Polícia Militar Ambiental (PMA) destacou homens para auxiliar nos trabalhos na região.

 

A estimativa do Imasul é de que, até o momento, as chamas tenham destruído 5 mil hectares de vegetação. O trabalho de controle do incêndio continua no Parque, a fim de evitar que o fogo avance em outras direções. Segundo os militares, a distância, o difícil acesso e o vento forte dificultam o trabalho. A expectativa é de que a chuva prevista para cair entre quarta e quinta-feira contribua para o efetivo controle das chamas.



Untitled Document
Últimas Notícias
Conselho Estadual de Agrotóxicos elabora plano para difusão do Manejo Integrado de Pragas em MS
Adolescente morre após ser agredido com enxada
Com faca, homem ameaça e rouba bolsa de mulher
Untitled Document