Untitled Document
SÁBADO, 18 DE AGOSTO DE 2018
27 de AGOSTO de 2017 | Fonte: Portal do Governo de Mato Grosso do Sul

Pontes construídas em Paranhos somam R$ 5,1 milhões de investimentos do Estado e da União

As pontes pensadas pelo Governo do Estado para promover a integração dos municípios vão atender várias regiões do Estado.

Quatro pontes de concreto armado erguidas pelo Governo do Estado e pela União em Paranhos somam investimentos de R$ 5,1 milhões. Do total de travessias, três já foram entregues e uma está em execução.

Ponte em construção sobre o rio Iguatemi, região do Porto Feliz, em Paranhos (Foto: Agesul)

Informações da Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos (Agesul), revelam que uma das pontes foi construída sobre o córrego Taquaperi, que dá acesso a Sete Quedas. O empreendimento de 14 metros de comprimento por seis de largura custou R$ 778 mil aos cofres estaduais.

 

Outra ponte entregue pelo Executivo Estadual em Paranhos fica sobre o córrego Vermelho, no assentamento São Cristóvão. A travessia de 28 metros de extensão por seis de largura teve custo total de R$ 1,5 milhão. A terceira construção finalizada e entregue à população também fica sobre o córrego Vermelho. Com 48 metros de comprimento, a ponte saiu por R$ 1 milhão ao poder público.

 

A quarta ponte está em processo de construção – com 32% de conclusão. A obra é feita sobre o rio Iguatemi, região do Porto Feliz. Depois de pronta ela terá 66 metros de extensão por seis de largura.

 

Para o governador Reinaldo Azambuja, as construções objetivam o desenvolvimento e o progresso da cidade. “Pontes são alternativas de transporte e produção”, afirma o gestor. Segundo ele, o Governo do Estado prevê investir mais de R$ 104 milhões na construção de 90 pontes de concreto em 39 municípios de Mato Grosso do Sul.

 

“Dessas 90 pontes, 31 já entregamos, 21 estão em execução e outras 38 passam por processo de licitação. Vamos totalizar o maior número de pontes de concreto já construídas em Mato Grosso do Sul. Isso significa desenvolvimento, progresso e, principalmente, integração entre nossos municípios”, pontua o governador.

 

Regiões

As pontes pensadas pelo Governo do Estado para promover a integração dos municípios vão atender várias regiões do Estado. Na região de Campo Grande será beneficiado o municípios de Dois Irmãos do Buriti. Na Grande Dourados são contemplados Caarapó, Deodápolis, Glória de Dourados, Jateí, Maracaju e Rio Brilhante. No Bolsão são beneficiados Cassilândia, Chapadão do Sul, Paraíso das Águas e Paranaíba. Na região do Cone Sul, estão relacionados Eldorado, Iguatemi, Japorã, Juti e Naviraí.

 

Na região do Pantanal, os municípios irmãos Anastácio e Aquidauana são contemplados. Na região Leste as pontes de concreto chegam a Batayporã, Ivinhema e Novo Horizonte do Sul. Já na Norte Camapuã, Costa Rica, Rio Negro e Rio Verde de Mato Grosso são atendidos. Na região Sudoeste são contemplados os municípios de Bela Vista, Bodoquena, Guia Lopes da Laguna, Jardim e Nioaque. E, na região Sul Fronteira são Amambai, Aral Moreira, Coronel Sapucaia, Laguna Carapã, Paranhos, Ponta Porã, Sete Quedas e Tacuru.



Untitled Document
Últimas Notícias
Cocamar inaugura loja em Naviraí em outubro
Funasa libera 1ª parcela para implantação de água potável no Assentamento Juncal
Azambuja pede que Justiça responsabilize outros gestores por atraso no Aquário
Untitled Document