Untitled Document
DOMINGO, 23 DE JULHO DE 2017
10 de JULHO de 2017 | Fonte: Assessoria

Reinaldo anuncia R$ 104 milhões para construção de 90 pontes de concreto

De acordo com a Agesul, 31 das 90 pontes projetadas pelo Governo do Estado já foram concluídos, 21 estão em execução e 38 passam por processo de licitação.

O governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), anunciou nesta segunda-feira (10/07) que o Governo do Estado vai investir mais de R$ 104 milhões na construção de 90 pontes de concreto em 39 municípios, que irão beneficiar diretamente 773 mil pessoas.

Governador Reinaldo Azambuja durante visita a uma das pontes de concreto construídas na sua gestão (Foto: Governo do Estado/divulgação)

“Nunca se investiu tanto na construção de pontes de concreto desde a criação de Mato Grosso do Sul em 1977. São investimentos que significam desenvolvimento, progresso e, principalmente, integração entre os municípios. Com a qualidade dos projetos as pontes vão perdurar por anos, melhorando as alternativas de transporte e produção em nosso Estado”, disse o governador.

 

Do total de recursos previstos, segundo Reinaldo Azambuja, R$ 20,7 milhões estão garantidos pela União, por meio da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil. Os recursos federais são destinados para 38 pontes em 17 cidades.

 

De acordo com a Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos), 31 das 90 pontes projetadas pelo Governo do Estado já foram concluídos, 21 estão em execução e 38 passam por processo de licitação.

 

Ainda conforme dados fornecidos pela Agesul, as 31 pontes já construídas e entregues à população somam investimentos de R$ 29,3 milhões e ficam nos municípios de Amambai (3), Anastácio (1), Aral Moreira (1), Bela Vista (2), Costa Rica (1), Deodápolis (4), Guia Lopes da Laguna (3), Iguatemi (4), Juti (1), Maracaju (1), Naviraí (1), Novo Horizonte do Sul (1), Paranhos (3), Porto Murtinho (1), Rio Verde de Mato Grosso (2) e Tacuru (2).

 

Com investimento de R$ 26,9 milhões, as outras 21 pontes de concreto estão sendo construídas em Amambai (1), Caarapó (1), Coronel Sapucaia (1), Dois Irmãos do Buriti (1), Guia Lopes da Laguna (1), Iguatemi (1), Ivinhema (2), Japorã (1), Jateí (2), Juti (1), Novo Horizonte do Sul (1), Paranhos (1), Porto Murtinho (1), Rio Brilhante (2), Sete Quedas (2) e Tacuru (2).

 

Também estão previstos R$ 47,6 milhões na construção de 38 pontes, atualmente em fase de licitação, em Amambai (3), Anastácio (1), Aquidauana (1), Batayporã (1), Bela Vista (4), Bodoquena (2), Camapuã (1), Cassilândia (2), Corguinho (1), Coronel Sapucaia (3), Dois Irmãos do Buriti (1), Eldorado (2), Glória de Dourados (1), Jardim (1), Jateí (3), Laguna Carapã (1), Maracaju (1), Naviraí (1), Nioaque (1), Novo Horizonte do Sul (1), Paraíso das Águas (1), Paranaíba (1), Ponta Porã (1), Porto Murtinho (1), Rio Negro (1) e Rio Verde de Mato Grosso (1).

 

Histórico

Os investimentos maciços do Governo em pontes de concreto tiveram início com reparos emergenciais em dezenas de estruturas danificadas pelas chuvas que atingiram o Estado no verão de 2015/2016.

 

Com a reconstrução, a Agesul optou pela substituição das velhas pontes de madeira por novas pontes de concreto, até porque o modelo reforçado e tecnicamente recomendado representa mais segurança e qualidade ao usuário. “Todas as pontes que estamos fazendo estão sendo realizadas com projetos executivos para garantir a qualidade e o bom emprego do dinheiro público”, disse o secretário estadual de Infraestrutura, Marcelo Miglioli, para quem a substituição das estruturas ainda contribui para a expansão da infraestrutura e logística de Mato Grosso do Sul, além de gerar menos gastos para o poder público com manutenção.



Untitled Document
Últimas Notícias
Ladrão usa capacete de moto para roubar celular de jovem
Mistão do Palmeiras vence o Sport fora de casa
Idoso é morto após trocar de tiros com policiais militares
Untitled Document