Untitled Document
QUINTA-FEIRA, 21 DE SETEMBRO DE 2017
08 de ABRIL de 2017 | Fonte: Correio do Estado

Inflação oficial tem queda na Capital e fecha em 0,14%

Grupos de transportes e comunicação derrubaram índice de preços

Queda de preços nos combustíveis e nas tarifas telefônicas levou a inflação a desacelerar na passagem de fevereiro para março em Campo Grande, alcançando 0,14%, frente a 0,24% no mês anterior, de acordo com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), medido pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 13 regiões do País.

 

Com este resultado, o primeiro trimestre do ano acumula 0,94%, percentual bem inferior aos 2,37% de igual período de 2016. Já no acumulado dos últimos 12 meses, a inflação na Capital sul-mato-grossense chegou a 6,02%, acima do índice nacional, de 4,57%.

 

Conforme o IBGE, dois dos nove grupos de produtos e serviços recuaram de fevereiro para março em Campo Grande, contribuindo para a desaceleração: Transportes (-0,83%) e Comunicação (-0,62%).

 

No primeiro, o destaque foi a gasolina, cujo preço do litro ficou, em média, 1,78% mais barato. Quanto ao litro do óleo diesel, a queda foi de 1,40%, enquanto o etanol recuou em média 0,78%.

 

Ainda conforme os dados do IPCA, excetuando apenas a região de Recife, onde houve aumento de 0,71%, os preços dos combustíveis caíram em todas as regiões pesquisadas.



Untitled Document
Últimas Notícias
Traficantes saem da Rocinha por temor de rivais
Corumbá recebe aporte de R$ 43 mi para obras
Barrios reconhece dificuldade contra o Botafogo e nega falta no lance do gol
Untitled Document