Untitled Document
SEGUNDA FEIRA, 20 DE MAIO DE 2019
22 de ABRIL de 2019 | Fonte: ESPN

Flamengo vence Vasco e conquista o 35º título carioca

Arão e Vitinho marcam na vitória que sacramentou o 35º título carioca ao Flamengo.
Willian Arão comemora O seu gol durante a segunda partida contra o Vasco, válida pela final do Carioca (Foto: Gazeta Press)

Pode comemorar, torcedor rubro-negro! Neste domingo (21/04), com o Maracanã lotado por 52 mil pessoas, o Flamengo confirmou o favoritismo, bateu o Vasco novamente e se tornou campeão do Campeonato Carioca. A vitória foi por 2 a 0, com gols de Willian Arão (assistência de Arrascaeta) e Vitinho (passe de Diego).

 

É a 35ª vez que o clube levanta a taça do Estatual. A última vez havia sido em 2017.

 

PRESENÇA ILUSTRE

O garoto Jhonata Ventura, sobrevivente da tragédia do Ninho do Urubu, vestiu a camisa do Flamengo e foi ao Maracanã para acompanhar a decisão carioca. No Twitter, o clube escreveu: "Seja bem-vindo de volta".

 

FUMAÇA VERMELHA

A torcida do Fla fez uma verdadeira festa minutos antes de a bola rolar. Nas arquibancadas, fumaças preta e vermelha deixaram o clima ainda mais digno de uma decisão de Campeonato Carioca. O ambiente ficou puramente rubro-negro.

 

FALTA, CONFUSÃO E GOL

O primeiro gol da finalíssima saiu aos 12 minutos. E é claro que teve polêmica. Gabigol, em impedimento, recebeu na ponta-direita, balançou com a bola e levou uma chegada dura. O clima esquentou, e Leandro Castán e Diego acabaram amarelados.

 

Na cobrança de falta, Pará rolou para Arrascaeta, que levantou na área. Willian Arão subiu muito mais que a defesa vascaína e, de cabeça, mandou a bola para o fundo das redes. 1 a 0 para o Fla, que abre 3 a 0 no agregado.

 

FERNANDO MIGUEL E RENÊ SALVAM

O segundo gol flamenguista quase saiu aos 28 minutos. Acionado em velocidade pela ponta-esquerda, Gabigol dominou e cruzou rasteiro. Diego apareceu dentro da área e deu um leve toque. A bola parecia estar entrando, mas Fernando Miguel, bem posicionado, conseguiu salvar.

 

O Vasco respondeu cinco minutos depois. Após levantamento na área, Diego Alves tirou de soco. A bola sobrou para Yago Pikachu, que bateu de primeira, mas Renê apareceu para tirar na pequena área. O chute tinha endereço.

 

O ÚLTIMO TEMPO

O Vasco da Gama voltou do intervalo com uma substituição ofensiva. O argentino Maxi López, que foi importantíssimo para o cruzmaltino no final do ano passado, entrou no lugar do garoto Lucas Santos. Com isso Marrony ficou centralizado, Pikachu aberto na direita e Yan Sasse na esquerda.

 

PARA GARANTIR DE VEZ

O Flamengo confirmou a conquista aos 37 minutos, quando o segundo gol rubro-negro foi anotado. A jogada começou com Diego, que encontrou Vitinho. O atacante arrancou e chutou firme, vencendo o goleiro do Vasco e estufando as redes. Nas arquibancadas, a torcida gritou ainda mais forte "é, campeão".

 

35 VEZES

O gol de Vitinho garantiu de vez a conquista do Flamengo, que venceu os dois jogos da final por 2 a 0. O troféu deste domingo é o 35º vencido pelo Rubro-Negro na história.



Untitled Document
Últimas Notícias
PIB cai 0,1% no primeiro trimestre do ano
DOF prende traficante com 970 kg de maconha
Índice de desemprego volta a aumentar e alcança 9,5%
Untitled Document