Untitled Document
TERÇA-FEIRA, 23 DE OUTUBRO DE 2018
27 de SETEMBRO de 2018 | Fonte: Gazeta Esportiva

Abatimento preocupa para a sequência e pressão no Flamengo aumenta

Maurício Barbieri está sob forte pressão no comando do Flamengo (Foto: Djalma Vassão/Gazeta Press)

Eliminado pelo Botafogo do Campeonato Carioca, pelo Cruzeiro da Copa Libertadores e agora pelo Corinthians da Copa do Brasil. O saldo do Flamengo em 2018 é um dos piores se levar em consideração que o elenco montado tinha como meta conquistar vários títulos. Resta apenas o Campeonato Brasileiro, que já teve o Rubro-Negro na liderança por várias rodadas, porém, que agora vê o time na quarta colocação, com 48 pontos.

 

A distância para o líder São Paulo é de apenas três pontos. Porém, o clima de abatimento que tomou conta do clube para a sequência da temporada preocupa muito. Principalmente por que os jogadores eram os mais abatidos, assim como o técnico Maurício Barbieri.

 

“Terrível o sentimento hoje, de não ter classificado. Foi um golpe muito duro para nós. Temos que batalhar pelo que nos resta”, disse o meia Diego. O goleiro Diego Alves também expôs este sentimento. “Depois de uma derrota dessas, uma desclassificação, a gente tem que pedir desculpas e não dar mais desculpas. Só nos resta o Brasileiro”, disse o arqueiro.

 

Se os maus resultados em campo preocupam, seus impactos aumentam por ser um ano eleitoral. O presidente Eduardo Bandeira de Mello parece cada vez mais isolado por conta de um afastamento do clube para fazer campanhas para deputado federal e por insistir na permanência do técnico Maurício Barbieri. Candidato da situação no pleito de dezembro e homem forte do futebol, Marcelo Lomba vem defendendo desde a eliminação na Libertadores uma troca no comando técnico para mexer no grupo.

 

Preocupado com as finanças, Bandeira entende que não é o momento de mudar e lembra que não há grandes opções disponíveis no mercado e dispostos a aceitar o desafio de dirigir o time em uma reta final de ano.

 

Em um cenário preocupante, os próximos dias serão decisivos para a política e o futebol do Flamengo. O elenco, que participou de um trabalho regenerativo nesta quinta-feira, volta a treinar nesta sexta-feira de olho no duelo de sábado, às 21h(de Brasília), contra o Bahia na Arena Fonte Nova, em Salvador (BA), pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro.



Untitled Document
Últimas Notícias
Sesi destaca melhoria na gestão de SST com eSocial
Chuva desacelera ritmo da moagem de cana na segunda quinzena de setembro
Atacar Poder Judiciário é atacar a democracia, diz presidente do STF
Untitled Document