Untitled Document
SEGUNDA FEIRA, 22 DE OUTUBRO DE 2018
25 de SETEMBRO de 2018 | Fonte: G1-MS

Dois estão presos por morte de adolescente em MS

Um terceiro se apresentou, mas fica em liberdade. Segundo a polícia, o jovem em liberdade foi quem atirou na vítima e defesa afirma que foi acidental.
Corpo de jovem foi encontrado embaixo de ponte de madeira na área rural de Campo Grande (Foto: Osvaldo Nóbrega/TV Morena)

Três jovens são suspeitos pela morte de Wando Maximinio Nunes, de 17 anos, cujo corpo foi encontrado embaixo de uma ponte em uma área rural, na região do bairro Itamaracá, em Campo Grande, na manhã de domingo (23/09).

 

Dois dos suspeitos estão presos. Eles são primos e teriam escondido o corpo a pedido do lavador de carros Alex Alexandre Marques Moreno, de 25 anos, que se apresentou nesta terça-feira (25/09) na 4ª Delegacia de Polícia Civil acompanhado do advogado Cairo Frazão. Ele prestou depoimento e foi liberado.

 

Os dois presos teriam sido pressionados por Alex a esconder o corpo. A defesa do lavador de carros nega a intimidação e diz que o disparo que matou o adolescente foi acidental, durante brincadeira de mal gosto.

 

Alex Marques tem passagem por tráfico de drogas, em 2014. Foi preso e estava em liberdade condicional.



Untitled Document
Últimas Notícias
Semana na ALMS tem sessão solene, plenárias e CCJR
Abstenção em MS elegeria nove vezes o deputado eleito menos votado no Estado
Brasil já registra mais de 34 mil mortes violentas no ano
Untitled Document