Untitled Document
SEGUNDA FEIRA, 18 DE JUNHO DE 2018
07 de JUNHO de 2018 | Fonte: Globo Esporte

Messi diz que ficaria "encantado" com volta de Neymar e não quer vê-lo no Real

Astro do Barcelona conta que gostaria de voltar a jogar com o brasileiro, mas lembra que isso não deve acontecer. Por outro lado, argentino não quer ver Neymar no rival
Messi lembra que Argentina enfrentou muitas dificuldades antes da Copa (Foto: Marcos Brindicci/Reuters)

Messi não esconde a admiração por Neymar. O astro do Barcelona e da seleção argentina costuma fazer muitos elogios ao brasileiro e, desta vez, admitiu que gostaria de voltar a jogar com o amigo. Em entrevista ao jornal espanhol "Mundo Deportivo", o camisa 10 reconheceu que ficaria maravilhado em reviver a parceria no clube catalão.

 

- Gostaria que Neymar voltasse, eu ficaria encantado. Neymar é um jogador excepcional, seria muito bom que ele voltasse, mas não creio que isso vá acontecer, é muito difícil. Ter Neymar conosco outra vez seria fantástico, insisto que me encantaria - disse o argentino, que, por outro lado, não quer nem pensar em ver o antigo companheiro no Real Madrid.

 

- A verdade é que eu não gostaria nem um pouco disso - resumiu o craque.

 

Em meio a muitas especulações de transferências de jogadores, Messi já abriu as portas do Barcelona para o francês Antoine Griezmann. No entanto, quando o assunto é Cristiano Ronaldo, o argentino evita dar palpites. Após conquistar o título da Liga dos Campeões, o astro do Real Madrid deixou um clima de mistério no ar. Nesta quinta-feira, o jornal português "Record" afirma que o camisa 7 deixará o clube merengue.

 

- Não sei o que passou pela cabeça dele, mas acredito que tenha motivos para dizer aquilo. Entretanto, são decisões pessoais e não posso opinar sobre isso - disse Messi.

 

Messi ainda busca o primeiro título de Copa do Mundo e carrega uma grande responsabilidade com a Argentina. O astro já disse algumas vezes que não vê a equipe como uma das favoritas no Mundial, mas promete muito empenho em campo num recado ao povo de seu país.

 

- Digo o mesmo que digo sempre: vamos com um sonho nesta Copa, com muita gana. Não somos favoritos, mas trabalhamos duro e nos preparamos bem. Individualmente, temos bons jogadores para disputar de igual para igual com qualquer equipe. Vamos dar o máximo - comentou.



Untitled Document
Últimas Notícias
FIFA abre procedimento disciplinar contra o México por gritos homofóbicos da torcida
Senai abre matrículas para preencher 1,5 mil vagas em 15 cursos técnicos
Usina de álcool reabre com apoio do Governo e gera mais de mil empregos em Naviraí
Untitled Document