Untitled Document
TERÇA-FEIRA, 22 DE AGOSTO DE 2017
05 de JUNHO de 2017 | Fonte: Agência ALMS

Campanha incentiva doação de sangue entre servidores da ALMS

Para doar sangue é preciso ter entre 16 e 69 anos e mais que 50 quilos.
Trabalhadores da Casa de Leis reforçam estoques de sangue do Hemosul (Foto: Wagner Guimarães/Arquivo)

A Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALMS) e a Rede Hemosul-MS realizam mais uma edição da campanha "Doar Sangue é um Gesto de Humanidade", que tem como objetivo incentivar a doação entre os servidores da Casa de Leis. Segundo a coordenadora da ação, Ignez Stephanini, será mais uma oportunidade dos colaboradores do Legislativo contribuírem com quem tanto precisa. "Sabemos como é importante esse gesto de solidariedade para tantas pessoas e, muitas vezes, basta um estímulo para que a gente contribua", afirmou. 

 

Ela explicou que, a partir desta terça-feira (06/06), será realizada a divulgação da campanha nas dependências da Casa de Leis. Serão distribuídos folhetos com orientações sobre doação de sangue e ficha cadastral. "Os servidores interessados em participar poderão preencher os dados pessoais e depositar a ficha em uma caixa de coleta que colocaremos no saguão da Casa, entre os dias 12 e 19 de junho", informou Ignez. O Hemosul disponibilizará uma van para o transporte dos servidores, no dia 22 de junho, com saída da ALMS às 8h30 e às 14h30, para doação na unidade da Avenida Fernando Corrêa da Costa, 1.304.  

 

Para doar sangue é preciso apresentar documento oficial com foto, como a carteira de identidade ou de motorista, ter entre 16 e 69 anos e mais que 50 quilos. Homens podem doar até quatro vezes ao ano, com intervalo mínimo de dois meses. Mulheres podem doar até três vezes ao ano, com um intervalo mínimo de três meses. Tanto homens como mulheres devem obedecer o intervalo mínimo de seis meses após os 60 anos.

 

Não podem doar sangue portadores de doenças hematológicas, cardíacas, renais, pulmonares, hepáticas, autoimunes, diabetes,hipertireoidismo, hanseníase, tuberculose, câncer, sangramentos anormais, convulsões, ou portadores de doenças infecciosas transmissíveis pelo sangue, como Doença de Chagas, Hepatite, AIDS, Sífilis. Se estiver com gripe ou alergia, o doador deve esperar sete dias após sarar. É recomendável também doar sangue antes de tomar alguma vacina. E o doador precisa estar bem alimentado. 

 

A coleta tem duração média de dez minutos, totalizando 450 ml de sangue, que são separados em hemocomponentes: as hemácias ou glóbulos vermelhos são utilizadas em cirurgias com grande perda de sangue, como as cardíacas e oncológicas, bem como anemias severas; o plasma serve para tratar hemorragias e uma parte é encaminhada para indústrias que produzem fatores de coagulação, utilizados para tratar hemofílicos; e as plaquetas são usadas para evitar ou tratar sangramentos e hemorragias.



Untitled Document
Últimas Notícias
Professora é agredida por aluno após expulsá-lo de sala de aula
Onevan formaliza a ministro pedido para implantação de novo curso na UFMS de Naviraí
Programa Vale Renda promove ações conjuntas em Naviraí
Untitled Document