Untitled Document
SEGUNDA FEIRA, 01 DE JUNHO DE 2020
12 de MARÇO de 2020 | Fonte: G1

EUA restringem voos, e Bolsas na Europa afundam

Bolsas asiáticas operam em queda após Donald Trump anunciar suspensão de viagens da Europa para os EUA por 30 dias.

As bolsas europeias abriram em forte queda na manhã desta quinta-feira (12) após o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciar, por causa da pandemia de coronavírus, a suspensão de viagens a partir da Europa por 30 dias.

 

Por volta das 8h40 (horário de Brasília), o índice FTSE-100 de Londres perdia 5,53%. Na Alemanha, o Dax de Frankfurt cedia 5,89%. Na França, o o CAC 40 de Paris recuava 5,87% e, em Madri, o Ibex 35 recuava 5,94%, segundo dados da Bloomberg.

 

No mês, a queda acumulada já se aproxima a 30%. O índice de referência STOXX 600 atingiu o nível mais baixo em quase 4 anos.

 

As ações de viagem e lazer despencavam 9,9%, no menor nível desde 2013, com Air France KLM, Lufthansa e IAG perdendo entre 11,4% e 13,5%. O setor agora já perdeu mais de um quarto de seu valor este mês, segundo a Reuters.

 

Bolsas asiáticas

As bolsas asiáticas fecharam a quarta-feira (11) em queda. O índice Nikkei da Bolsa de Valores de Tóquio, a primeira a encerrar a jornada na região, terminou em queda de 4,41%, seu pior nível em quase três anos.

 

Na China, o índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, caiu 1,92%, enquanto o índice de Xangai teve queda de 1,52%. Ambos fecharam nos menores níveis desde 28 de fevereiro, perto da mínima de duas semanas.

 

Em Seul, o índice KOSPI teve desvalorização de 3,87% e, Hong Kong, a bolsa caiu 3,66%. Já em Sydney, o índice S&P/ASX 200 tombou 7,36%.


Petróleo

Os preços do petróleo caem em torno de 6% nesta quinta. Às 8h18 (horário de Brasília).O petróleo Brent recuava 2,48 dólar, ou 6,93%, a US$ 33,31 por barril. O petróleo dos Estados Unidos caía 2,05 dólar, ou 6,22%, a US$ 30,93 por barril.

 

Por volta das 7h15, o barril do tipo Brent era negociado a US$ 33,78, em Londres, em queda de 5,62% em relação ao fechamento do dia anterior.

 

Os dois contratos de referência do petróleo caíram cerca de 50% desde máximas tocadas em janeiro.

 

Bolsas do Golfo

Há queda, também, nas bolsas do Golfo, que estão sendo afetadas pela guerra de preços do petróleo decorrente da queda da demanda por conta do coronavírus. As baixas são de mais de 4% em Riade, na Arábia Saudita; e de quase 8% em Dubai; e de pouco mais de 6% em Abu Dabi, ambas nos Emirados Árabes Unidos.


Empresas projetam prejuízos

Juntando-se a uma lista crescente de vítimas corporativas do surto, a loja de varejos WH Smith previu uma perda de 40 milhões de libras para o lucro anual.

 

Já a operadora de lojas em aeroportos Dufry afirmou que que deverá cortar postos de trabalho depois de registrar uma queda de 7,3% nas vendas orgânicas. As ações das empresas caíram 17% e 16,8%, respectivamente.



Untitled Document
Últimas Notícias
Nova frente fria chega ao MS e muda o tempo já a partir de segunda
Mato Grosso do Sul tem 20 óbitos por coronavírus e 1.489 confirmados
Câmara de Dourados suspende atividades após segundo caso de Covid-19
Untitled Document