Untitled Document
SEGUNDA FEIRA, 10 DE DEZEMBRO DE 2018
02 de MARÇO de 2018 | Fonte: Globo Esporte

Hospital em BH reserva ala inteira para receber Neymar

Coordenador esportivo Maxwell e médico Gérard Salliant, que operou Ronaldo em 2000 e foi chamado agora pelo clube, desembarcarão no país para acompanhar a cirurgia do craque.
Neymar desembarcou no Brasil de cadeira de rodas nesta quinta (Foto: Claire Dornald Clauzel / Twitter / AFP)

O hospital Mater Dei, em Belo Horizonte, está se preparando para receber Neymar. A cirurgia para corrigir a fratura no pé direito do craque está pré-marcada para as 9h deste sábado e será feita por Rodrigo Lasmar, médico da seleção brasileira. O hospital inclusive já reservou uma ala para o atacante e seus acompanhantes, que devem ser pouco mais de 10 pessoas.

 

Neymar desembarcou no Rio de Janeiro na manhã desta quinta e seguiu, de jatinho, para sua residência em Mangaratiba (Costa Verde do estado). O craque viajará na sexta para Belo Horizonte e é possível que ele chegue de helicóptero ao hospital, uma vez que o local tem heliponto. De acordo com Lasmar, o craque deve ter alta médica no dia seguinte à operação. Mas ainda é incerto quando ele voltará a Paris para seguir o tratamento com o Paris Saint-Germain. Ou se ele fará tudo no Brasil.

 

Por falar em PSG, o clube francês enviará dois representantes para a cirurgia de Neymar: o ex-jogador e atual coordenador esportivo Maxwell e o médico Gérard Salliant. A dupla desembarcará no Brasil na manhã desta sexta. Salliant não é médico do PSG, mas foi chamado para representar o clube e acompanhar o procedimento de Neymar. Ele, por sinal, foi responsável por operar Ronaldo após a grave lesão sofrida pelo Fenômeno no joelho direito em 2000.

 

Neymar sofreu uma fratura no quinto metatarso do pé direito durante a partida entre PSG e Olympique de Marselha, no último fim de semana, pelo Campeonato Francês. O prazo de recuperação, também segundo Rodrigo Lasmar, é de dois meses e meio a três meses. Isso possibilitaria ao atacante voltar aos campos até o finzinho de maio, quase 20 dias antes da Copa do Mundo - a estreia do Brasil é no dia 17 de junho, contra a Suíça.

 

Mas o camisa 10 tem grande chance de perder toda a temporada do PSG. A final da Liga dos Campeões, por exemplo, será em 26 de maio - para o caso de o time do técnico Unai Emery chegar até lá. E a última partida pelo Francês será no dia 19 de maio, contra o Caen. Ele também vai desfalcar a Seleção nos amistosos com Rússia e Alemanha, que serão disputados nos dias 23 e 27 de março, em Moscou e Berlim, respectivamente.



Untitled Document
Últimas Notícias
Avião cai minutos após decolar e piloto morre em MS
Incêndio de grandes proporções atinge hotel em Campo Grande
Assembleia inicia credenciamento de veículos para solenidades em 2019
Untitled Document