Untitled Document
QUARTA-FEIRA, 14 DE NOVEMBRO DE 2018
20 de JANEIRO de 2018 | Fonte: Globo Esporte

São Paulo é vaiado após empate com o Novorizontino

Diego Souza estreia, Cueva entra, mas São Paulo só empata com Novorizontino.
São Paulo só empata na estreia de Diego Souza (Foto: Estadão)

Diego Souza não estreou como gostaria pelo São Paulo. Em uma fraca atuação da equipe considerada titular, o meia-atacante atuou por 37 minutos no segundo tempo, mas não conseguiu evitar o empate por 0 a 0 com o Novorizontino, neste sábado (20/01), no Morumbi, pela segunda rodada do Campeonato Paulista. O time deixou o campo vaiado pelos pouco mais de 17 mil torcedores presentes.

 

A partida marcou também o retorno aos jogos de Cueva. O jogador entrou aos 21 minutos da etapa final e não conseguiu melhorar o desempenho da equipe. O peruano perdeu seis dias de pré-temporada por conta de compromissos comerciais em seu país de origem e foi multado pela diretoria.

 

PRIMEIRO TEMPO

Com Diego Souza e Cueva no banco de reservas, o São Paulo teve muita dificuldade para criar no ataque. Os garotos Shaylon e Lucas Fernandes foram pouco produtivos. Coube, então, aos volantes a missão. Petros, aos 15 minutos, acertou a trave em chute de fora da área. Bastante acionado, Marcos Guilherme quase marcou aos 22, mas a defesa do Novorizontino tirou a bola praticamente em cima da linha de gol.

 

A equipe do interior, aliás, passou boa parte do tempo estacionada em seu campo de defesa à espera dos contra-ataques. Quando o espaço apareceu, o time não aproveitou, principalmente por conta dos erros do atacante Rafael Ratão, opção de velocidade pelos lados do campo. Aos 45, o Novorizontino assustou em cobrança de falta de Jean Carlos. Sidão salvou.

 

SEGUNDO TEMPO

Sem mudanças para o segundo tempo, o São Paulo quase marcou logo aos três minutos. Oliveira fez grande defesa em desvio de cabeça de Militão. Como o time não melhorou, a torcida passou a gritar o nome de Diego Souza a partir dos 11 e foi atendida por Dorival imediatamente (ele entrou aos 13 no lugar de Lucas Fernandes).

 

A presença de um atacante mais fixo na área em nada melhorou a atuação. Tanto que, aos 21, Dorival colocou Cueva na vaga de Brenner para tentar melhorar a produção ofensiva. E também não adiantou. Juninho, aos 32, disparou sozinho, driblou Sidão, mas Rodrigo Caio de carrinho evitou o gol.

 

Shaylon, a cinco minutos do fim, perdeu a melhor chance ao furar quase na pequena área. Na sequência, Caique foi derrubado por Cléo Silva, mas o árbitro Luiz Flávio de Oliveira não marcou o pênalti. Aos 43, o juiz acertou ao marcar impedimento em gol de cabeça de Rodrigo Caio. O empate estava decretado.

 

FOI PÊNALTI!

Caique é derrubado por Cléo Silva na área, mas árbitro não marca.



Untitled Document
Últimas Notícias
Reinaldo se reúne com Bolsonaro nesta quarta
Homem tenta abusar prima de 8 anos na Capital
Diabetes mata mais de 4,7 mil pessoas em MS
Untitled Document