Untitled Document
SEGUNDA FEIRA, 17 DE DEZEMBRO DE 2018
16 de NOVEMBRO de 2017 | Fonte: Da redação

Preço da soja sobe mais de 6% com alta do dólar e a demanda aquecida

A saca encerrou o período cotada a R$ 60,94. Dentre as praças pesquisadas, destaque para Maracaju onde o preço da soja alcançou R$ 61,50, com crescimento de 7,89% no acumulado do mês

No acumulado do mês de setembro (1º a 26), o preço médio da soja em Mato Grosso do Sul apresentou valorização de 6,21%. É o que mostra o Boletim Econômico elaborado pelo Departamento de Economia do Sistema Famasul – Federação da Agricultura e Pecuária de MS, divulgado nesta quinta-feira (28).

 

A saca encerrou o período cotada a R$ 60,94. Dentre as praças pesquisadas, destaque para Maracaju onde o preço da soja alcançou R$ 61,50, com crescimento de 7,89% no acumulado do mês.

 

Para o analista de economia do Sistema Famasul, Luiz Gama, alguns fatores que explicam este patamar: "A expectativa de atraso no plantio em função da irregularidade das chuvas no Hemisfério Sul; a alta recente do dólar e a demanda aquecida, sobretudo internacional, motivaram a elevação dos valores da saca", enumera Gama.

 

Apesar deste crescimento, o boletim aponta que no comparativo com igual período de 2016, quando a saca valia, em média, R$ 71,48, registra-se recuo de 17%.

 

Até o dia 25, Mato Grosso do Sul já havia comercializado 73,24% da safra 2016/17, avanço de três pontos percentuais em relação à semana anterior.



Untitled Document
Últimas Notícias
Prefeitura de Naviraí antecipa e quita o 13º salário dos servidores nesta sexta
Forcell Celulares agora é franqueada Conserta Smart em Naviraí
Após 2 anos foragido, indígena é preso por tortura de policiais
Untitled Document