Untitled Document
TERÇA-FEIRA, 23 DE OUTUBRO DE 2018
14 de NOVEMBRO de 2017 | Fonte: G1-MS

Mulher é detida por manter filhote de arara-canindé em cativeiro

PMA recebeu denúncia anônima e encontrou ave em residência em Camapuã. Mulher vai responder por crime ambiental e foi multada em R$ 5 mil.
Filhote de arara-canindé foi apreendido pela PMA em residência em Camapuã (Foto: PMA/Divulgação)
Filhote de arara-canindé foi apreendido pela PMA em residência em Camapuã (Foto: PMA/Divulgação)

Uma mulher de 52 anos foi detida e multada na segunda-feira (13), por manter um filhote de arara-canindé em cativeiro, em Camapuã, a 126 quilômetros de Campo Grande.

 

De acordo com a Polícia Militar Ambiental (PMA), os agentes receberam a denúncia anônima de que a mulher estaria criando a ave em casa ilegalmente.

 

A PMA foi ao endereço e confirmou a informação. A mulher foi levada à delegacia de Polícia Civil onde o caso foi registrado. Ela foi autuada administrativamente, recebeu multa de R$ 5 mil e vai responder por crime ambiental.

 

A arara foi encaminhado ao Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (Cras) de Campo Grande.



Untitled Document
Últimas Notícias
Sesi destaca melhoria na gestão de SST com eSocial
Chuva desacelera ritmo da moagem de cana na segunda quinzena de setembro
Atacar Poder Judiciário é atacar a democracia, diz presidente do STF
Untitled Document