Untitled Document
QUINTA-FEIRA, 19 DE OUTUBRO DE 2017
20 de SETEMBRO de 2017 | Fonte: Globo Esporte

Neymar, Coutinho e outros 5 brasileiros concorrem à seleção da Fifa

Entre 55 nomes, Daniel Alves, David Luiz, Marcelo, Thiago Silva e Casemiro também brigam por um lugar entre os 11 melhores jogadores por posição na temporada 2016/17.
Os 55 nomes do Fifpro (Foto: Reprodução / Fifa)

Os brasileiros Daniel Alves, David Luiz, Marcelo, Thiago Silva, Casemiro, Philippe Coutinho e Neymar estão entre os 55 jogadores que concorrem à seleção da temporada 2016/17 da Fifa e da FIFPro (Federação Internacional dos Jogadores Profissionais de Futebol, que promove a premiação). Os nomes dos concorrentes foram revelados nesta quarta-feira, e os 11 escolhidos (um goleiro, quatro defensores, três meias e três atacantes) serão anunciados na premiação de gala da Fifa, dia 23 de outubro, em Londres.

 

A seleção é feita pelos próprios jogadores, em uma escolha que envolve 24 mil profissionais ao redor do mundo (desde Cristiano Ronaldo e Messi até outros que disputam ligas menores). Desta vez, diferentemente dos anos anteriores, a escolha leva em conta o que os atletas fizeram ao longo da temporada europeia, entre agosto de 2016 e junho de 2017. Isso vale, inclusive, para o prêmio de melhor de melhor jogador do mundo (por isso, a premiação será em outubro e não mais em janeiro).

 

A premiação é feita ano a ano desde 2005 e sempre contou com brasileiros na seleção do ano. Em 2016, apenas os laterais Marcelo e Daniel Alves estiveram entre os 11 eleitos. Em 2015, ambos estiveram acompanhados de Thiago Silva e Neymar na equipe ideal da Fifa e da FIFPro (confira abaixo os brasileiros que já foram eleitos).

 

Dida (2005)

Cafu (2005)

Ronaldinho (2005, 2006 e 2007)

Kaká (2006, 2007 e 2008)

Daniel Alves (2009, 2011, 2012, 2013, 2015 e 2016)

Maicon (2010)

Lúcio (2010)

Marcelo (2012, 2015 e 2016)

Thiago Silva (2013, 2014 e 2015)

David Luiz (2014)

Neymar (2015)

 

Além dos sete brasileiros, quase todos nomes que concorrem ao Fifa The Best também estão listados, casos de Bonucci, Buffon, Carvajal, Cristiano Ronaldo, Dybala, Griezmann, Hazard, Ibrahimovic, Iniesta, Kane, Kanté, Kroos, Lewandowski, Messi, Modric, Navas, Neuer, Sergio Ramos, Alexis Sánchez, Suárez e Vidal. A única exceção é o gabonês Aubameyang, lista entre os 24 da Fifa, mas fora dos 55 da FIFPro.

 

Confira os 55 nomes:

Goleiros: Buffon (Juventus e Itália), De Gea (Manchester United e Espanha), Keylor Navas (Real Madrid e Costa Rica), Neuer (Bayern de Munique e Alemanha), Oblak (Atlético de Madrid e Eslovênia);

 

Defensores: Alaba (Bayern de Munique e Áustria), Jordi Alba (Barcelona e Espanha), Daniel Alves (Juventus/PSG e Brasil), Jerome Boateng (Bayern de Munique e Alemanha), Bonucci (Juventus/Milan e Itália), Carvajal (Real Madrid e Espanha), Chiellini (Juventus e Itália), Godín (Atlético de Madrid e Uruguai), Hummels (Bayern de Munique e Alemanha), Lahm (Bayern de Munique e Alemanha), David Luiz (Chelsea e Brasil), Marcelo (Real Madrid e Brasil), Mascherano (Barcelona e Argentina), Pepe (Real Madrid/Besiktas e Portugal), Piqué (Barcelona e Espanha), Sergio Ramos (Real Madrid e Espanha), Thiago Silva (PSG e Brasil), Umtiti (Barcelona e França), Valencia (Manchester United e Equador) e Varane (Real Madrid e França);

 

Meio-campistas: Thiago Alcântara (Bayern de Munique e Espanha), Busquets (Barcelona e Espanha), Casemiro (Real Madrid e Brasil), Philippe Coutinho (Liverpool e Brasil), Hazard (Chelsea e Bélgica), Iniesta (Barcelona e Espanha), Isco (Real Madrid e Espanha), Kanté (Chelsea e França), Kroos (Real Madrid e Alemanha), Matic (Chelsea/Manchester United e Sérvia), Modric (Real Madrid e Croácia), Özil (Arsenal e Alemanha), Pogba (Manchester United e França), Verratti (PSG e Itália) e Vidal (Bayern de Munique e Chile).

 

Atacantes: Bale (Real Madrid e País de Gales), Benzema (Real Madrid e França), Cavani (PSG e Uruguai), Cristiano Ronaldo (Real Madrid e Portugal), Dybala (Juventus e Argentina), Griezmann (Atlético de Madrid e França), Ibrahimovic (Manchester United e Suécia), Kane (Tottenham e Inglaterra), Lewandowski (Bayern de Munique e Polônia), Lukaku (Everton/Manchester United e Bélgica), Mbappé (Monaco/PSG e França), Messi (Barcelona e Argentina), Neymar (Barcelona/PSG e Brasil), Alexis Sánchez (Arsenal e Chile) e Luis Suárez (Barcelona e Uruguai).



Untitled Document
Últimas Notícias
Sicredi é uma das 150 Melhores Empresas Para Trabalhar
Funcionários da JBS em Naviraí vão às ruas e pedem garantia de emprego
Morador de condomínio pagará taxa mínima de IPTU, decide TJ-MS
Untitled Document