Untitled Document
SEGUNDA FEIRA, 26 DE JUNHO DE 2017
02 de JUNHO de 2017 | Fonte: Agência ALMS

Servidores efetivos da ALMS são convocados para adesão ao PAI

O objetivo é convocar os servidores que preencham os requisitos para a aposentadoria integral.
Deputado Zé Teixeira (DEM), 1º secretário da Assembleia Legislativa (Foto: Victor Chileno)

O Ato 12/2017, da Mesa Diretora, que dispõe sobre a convocação dos servidores efetivos da Assembleia Legislativa para manifestação voluntária de adesão ao Programa de Aposentaria Incentivada (PAI 2), foi publicado no Diário Oficial desta quinta-feira (01/06).

 

O objetivo é convocar os servidores que preencham os requisitos para a aposentadoria integral, na forma da Lei 3.150/2005, a comparecer na Secretaria de Recursos Humanos da Casa de Leis no período de 1º a 9 de junho de 2017, para sua adesão ao PAI 2.

 

"Demos continuidade a mais uma importante etapa do Programa de Aposentadoria Incentivada, que reconhece o esforço de pessoas que dedicaram anos e anos de trabalho e vida ao Poder Legislativo de Mato Grosso do Sul. Este apoio é justo com estes servidores", afirmou o 1º secretário da Casa de Leis, deputado Zé Teixeira (DEM).

 

A servidora Lígida dos Santos, que tem 31 anos de trabalho no Legislativo Estadual, foi uma das contempladas com o programa. "Minha sensação é de dever cumprido e é interessante que o ato de assinar a aposentadoria me fez repensar todo o meu processo profissional. É muito gratificante e me sinto realizada, aprendi muito aqui. E eu acredito que chegou a hora do novo, de eu dar oportunidade a outro servidor. Agora irei viver coisas novas. Estou grata com este momento", revelou Lígida.

 

"O sentimento é de alívio e alegria. É perceber que depois de anos de dedicação eu vou poder usufruir de tudo que eu conquistei, destacou o servidor, Paulo Antônio Castro, que tem 36 anos dedicados à Assembleia Legislativa.



Untitled Document
Últimas Notícias
Cassems tem aprovação de 81% dos usuários do Estado, aponta pesquisa
Temer sanciona lei que permite preço diferente para cada forma de pagamento
Empresários do Estado terão 15 dias para pagar ICMS de mercadorias
Untitled Document