Untitled Document
SEGUNDA FEIRA, 26 DE JUNHO DE 2017
02 de JUNHO de 2017 | Fonte: Correio do Estado

Eleitores de Tacuru escolhem novo prefeito domingo

Chapa vencedora das eleições de 2016 estava com registro indeferido
Com mais de 7 mil eleitores, Tacuru retorna às urnas neste domingo - Foto: Divulgação

Os mais de sete mil eleitores do município sul-mato-grossense de Tacuru retornarão às urnas no próximo domingo (4), para escolherem prefeito e vice-prefeito da cidade. Novas eleições acontecerão porque no pleito municipal de 2016, Claudio Rocha Barcelos (PR) e Adailton de Oliveira, candidatos a prefeito e vice, respectivamente, tiveram o maior número de votos (2.737), porém, a chapa estava com registro de candidatura indeferido e com recurso judicial em tramitação. Por essa razão, todos os votos foram computados como nulos. 

 

No próximo pleito serão dois candidatos apenas na disputa pela prefeitura de Tacuru. São eles: o ex-presidente da Câmara de Vereadores e prefeito interino do município, Paulo Sérgio de Lopes Mello (PP) e Carlos Alberto Pelegrini (PMDB). O último foi o maior rival de Claudio Rocha, nas eleições de outubro do ano passado. Pelegrini perdeu para Claudio com apenas 89 votos de diferença.

 

As eleições de 2016 tiveram um candidato a mais do que o pleito do próximo domingo. Além de Claudio e Pelegrini, outro político que se candidatou foi Beto Melo do PTN. 

 

Em 3 de abril deste ano, decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) tornou definitivo o indeferimento do registro de candidatura de Adailton ao cargo de vice por compra de voto e, com isso, votos computados como nulos no dia da eleição também tornaram-se definitivos, sendo necessário novo pleito.

 

Amanhã é o último dia para candidatos realizarem propaganda eleitoral. 

 

Candidatos têm até o dia 9 de junho para entregar a prestação de contas e diplomação deve ocorrer até 24 de junho.

 

Desde o começo do ano, a cidade está sob a administração interina do ex-presidente da Câmara dos Vereadores, Paulo Melo.



Untitled Document
Últimas Notícias
Cassems tem aprovação de 81% dos usuários do Estado, aponta pesquisa
Temer sanciona lei que permite preço diferente para cada forma de pagamento
Empresários do Estado terão 15 dias para pagar ICMS de mercadorias
Untitled Document