Untitled Document
TERÇA-FEIRA, 27 DE JUNHO DE 2017
18 de ABRIL de 2017 | Fonte: Assessoria

Cultura esclarece situação de biblioteca em Naviraí

Superintendente de Cultura fala sobre as mudanças realizadas na Biblioteca Pública Arandú.
Biblioteca Pública Arandú (Foto: Assessoria)

Para dirimir todas as dúvidas quanto às mudanças realizadas na biblioteca Arandú, a Fundação Municipal de Cultura esclareceu os verdadeiros motivos que levaram aquela Instituição à atitude que tomou, encaminhando um ofício de esclarecimento aos ilustres Vereadores da Câmara Municipal.

 

Segundo a superintendente de Cultura Caroline Beluque Touro, o contrato encontra se vencido junto à Secretaria de Educação do Estado de MS, e, portanto, tem-se a necessidade de se firmar novamente o Termo Aditivo de Cessão de Uso do Bem Imóvel denominado Biblioteca Pública Arandú de Naviraí por um novo período de 5 anos.

 

“Sugerimos à SED/MS que o espaço físico da Biblioteca Arandú seja transformado em um local de fomento à cultura, por meio da realização de oficinas de contação de histórias, balé, violão, jazz, ciclos de cinema, dentre outros”, destacou Carol.

 

A intensão da Administração Municipal é promover o progresso e desenvolvimento da cidade e acima de tudo, proporcionar às crianças, jovens e adolescentes um acesso cada vez maior a cultura.

 

“Temos plena convicção de que tudo se concretizará o mais breve possível e veremos a Biblioteca Pública Arandú transformar-se num "Templo de Cultura", que é o desejo da Administração Municipal e também da nossa Casa Legislativa”, finalizou Caroline.



Untitled Document
Últimas Notícias
Cassems tem aprovação de 81% dos usuários do Estado, aponta pesquisa
Temer sanciona lei que permite preço diferente para cada forma de pagamento
Empresários do Estado terão 15 dias para pagar ICMS de mercadorias
Untitled Document